Entre Notas

Entre Notas

http://entrenotas.tanlup.com

Livro de Partituras D Ivone Lara (Leandro Braga)

5 pessoas gostaram deste produto:
R$ 49.90
ou em 5x de R$ 10.89

PRIMEIRA DAMA: A MÚSICA DE DONA IVONE LARA (LEANDRO BRAGA)

Partituras e Cifras para Piano

Livro de partituras e cifras para piano contendo 14 músicas da primeira Dama do Samba, Dona Ivone Lara. Escrito e arranjado pelo maestro, arranjador e pianista Leandro Braga. Material essencial de estudo e pesquisa para estudantes de piano, profissionais da música e amantes da música brasileira.

Músicas do livro:

1) Há Música no Ar

2) Alguém me Avisou

3) É Natal

4) Rainha Quelé

5) Sonho Meu

6) Mas Quem Disse Que Eu Te Esqueço

7) Amor sem Esperança

8) Acreditar

9) Aprendi a Sofrer

10) Nos Combates Desta Vida

11) Pra Afastar a Solidão

12) Tendência

13) Nasci pra Cantar e Sonhar

14) Primeira Dama

 

Meu Sonho

Não preciso pisar em folhas secas nem conferir a perfeição da imagem de que a Mangueira, “vista assim do alto mais parece um céu no chão” para ser invadido pela onda de emoção que nunca se desmancha na praia da indiferença, com o desvendado milagre da sabedoria popular, do talento que encosta no gênio em versos como os de Cartola, Nelson Cavaquinho, Carlos Cachaça, Nélson Sargento, Paulinho da Viola, Elton Medeiros e tantos e tantos mais que se renovam no desfile da música de raiz, com a marca da autenticidade insuperável.

Ouvir Dona Ivone Lara no disco ou ouvi-la e vê-la no palco, com seu porte de rainha, a sua dignidade majestática, a beleza da voz límpida como água de nascente é banho de mergulho na maré de sensações que arrepiam a penugem do braço e embaçam os óculos de míope.

Dona Ivone Lara é a primeira e única, com a magia da sua personalidade de orgulhosa simplicidade, no tecido das contradições dos que rompem a mediania para afirmação de inimitável na sua arte eterna...

Villas-Bôas Corrêa

 

Um pianista iniciante sempre me traz a mesma solicitação: como desenvolver uma execução rítmica razoável, como transformar seu instrumento naquilo em que nunca ele deixou de ser – um instrumento de percussão.

A enorme literatura disponível ao estudante abrange quase tudo que necessitamos para nosso desenvolvimento musical, com desafios técnicos imensos e suas soluções. Apenas aguarda que preenchamos a lacuna existente há muito tempo, culpa exclusivamente nossa, dos músicos.

Fraseado, dinâmica, dedilhado, agilidade, escalas, arpejos, oitavas, acordes, pedais, todo o piano tem métodos e textos inúmeros para nos guiar no aprendizado de sua técnica. Mas não tem praticamente nada a respeito da execução percussiva que caracteriza os ritmos brasileiros.

Talvez a abundância e riqueza que caracterizam nossa cultura nos tenham tornado descuidados com seu estudo e manutenção. Mas, assim como temos feito com nossos rios e matas, ela pode se poluir, assorear, descaracterizar e morrer.

Tento, com esse trabalho, colaborar ecologicamente com a fundamentação dos elementos que compõem o Piano Brasileiro.

Para isso, rendi todas homenagens possíveis a uma das maiores artistas que já tivemos em nosso meio, Dona Ivone Lara. Sua música é uma bela síntese do que caracteriza nossa cultura, ou seja, um lirismo muito singelo aliado a uma forte base rítmica, com toda a pujança de nossa percussão...

Leandro Braga