Trocando em Miúdos

Trocando em Miúdos

http://trocandoemmiudos.tanlup.com

Livro Colecionando o Tempo | Trocando em Miúdos 10 anos.

R$ 100.00
ou em 12x de R$ 10.04
Trocando em Miúdos lança livro biográfico “Colecionado o Tempo”
Trazendo à tona case de empreendedorismo, inovação, design e economia
criativa, obra será lançada no próximo dia 10, no Barchef
“Trocando em miúdos pode guardar (...) as nossas melhores lembranças”. A letra da canção de
Chico Buarque e Francis Hime, que inspirou as sócias e designers Juliane Miranda e Amanda
Braga a darem nome à Trocando em Miúdos, espelha também o lançamento do livro biográfico
Colecionando o Tempo, que celebra o marco de 10 anos da empresa pernambucana de acessórios
autorais. A obra é, por sua vez, uma compilação de fatos, memórias e dados que revivem a exitosa
trajetória da marca, nos âmbitos do empreendedorismo, economia criativa e inovação do design
de moda no Estado. Com prefácio rubricado por Karina Zapata e apresentação de Juliana Jay
Emerenciano, o livro tem a assinatura da jornalista Luciana Veras.
“Reconstruir no papel a ascensão da marca foi como mergulhar numa espécie de arqueologia
jornalística, que, em consonância com a história lapidada por Amanda e Juliane, também se
constituiria uma jornada de coragem e criação”, explica Luciana. Para contar essa história – de
modo a fazer jus à inovação e à liberdade para empreender –, a autora contou com a parceria da
Zoludesign, escritório de design de Aurélio Velho e Luciana Calheiros.
Dividido em quatro capítulos e anexos especiais, como um glossário afetivo e um editorial de
moda feito em Berlim, cada exemplar foi desenvolvido em um projeto gráfico no qual texto e
design estão em paridade de relevância. “Nossa ideia era que a narrativa flutuasse pelas coleções
com leveza e consistência, mesclando as informações dessa história tão incrível com a criativida-de, uma característica-chave de todas as peças concebidas pela marca”, ratifica Luciana Calheiros,
da Zoludesign.
Desde que começou, em 2006, e também em seu livro, a Trocando em Miúdos trilha uma
jornada em que inovação e ternura são conjugadas na mesma frase. “É impossível dissociar o
afeto da conduta adotada pelas duas designers e sócias em todas as relações que estabeleceram a
partir dessa marca, que atinge a primeira década com força e coragem”, ressalta Veras. “Não
bastava apenas expor os acessórios para a venda; queríamos transportar cada pessoa, que ali
estaria para ver o nosso trabalho, ao mesmo universo criativo no qual tínhamos imergido para
criar aquela coleção”, lembra Amanda Braga. “Olhando para trás em perspectiva, não imaginaría-mos que todas aquelas miudezas se transformariam em um história com substância para um livro.
Hoje, vejo o livro como um diário de 10 anos de dedicação, amor, ousadia e perseverança”, com-plementa Juliane Miranda.
“Que a experiência de Colecionando o tempo propicie a seus leitores e leitoras a
mesma alegria e orgulho que nos preencheu ao longo de sua feitura”, finaliza Luciana Veras.

Canais

Design