Japamala Pulseira Budista CORAL Classic 27 Contas

  
Fora de estoque
Japamala CORAL Classic 27 Contas

Japamala 27 contas confeccionada artesanalmente com CORAL de aproximadamente 6mm . Merú AMULETO DA PROSPERIDADE em liga tibetana folheada a prata 925 e finalização em hematita.

Montagem artesanal e delicada devido as pedras que utilizamos. Sugerimos cuidado e delicadeza ao vestir e retirá-lo do pulso afim de manter a vida útil de seu cordão por longo tempo.

Veste apropriadamente pulsos de até 17,5cm.

Além de utilizada para a prática de recitação dos mantras, confere a seu portador o benéfico e energético poder dos elementos.


O CORAL:

O coral é uma das cinco pedras sagradas do budismo. Simboliza a energia da força da vida. Protege contra a inveja e acredita-se que cure doenças e mesmo seja um antídoto contra envenenamento. É uma "pedra" auspiciosa para a cultura tibetana, sendo que o vermelho, é uma das cores dos cinco Budas e a cor das vestes dos monges. Para os chineses o coral é o símbolo da longevidade e na Índia é usado para prevenir hemorragias.

Mas você conhece a "pedra" coral? Se sim, já deve saber que ele não é uma pedra, apesar de se parecer com uma e por isso estar listado entre as pedras preciosas ou semipreciosas. Ele é na verdade o esqueleto de organismos marinhos sedimentados no fundo dos oceanos que ganha com o passar dos anos uma camada de caroteno e coloração que dão esse aspecto bonito e admirado desde a antiguidade.

O coral foi utilizado e citado pelos antigos como uma pedra de proteção e equilíbrio, na Grécia Antiga acreditava-se que ele era o sangue da medusa petrificado no fundo dos mares. Ele era utilizado para fins religiosos e também para tratar da saúde. É possível encontrar o coral numa grande variedade de cores e tamanhos, mas os mais comuns são os vermelhos, rosas, brancos, cinzas e pretos.

Como o coral é um organismo que leva diversos anos para se formar ele carrega em si muita história, carrega o passado e acredita-se que pode transmitir conhecimento. Ele é reconhecido pelo seu duplo valor: de novo, como um recém-nascido, por ser uma substância que se torna ‘pedra’ e se abre para um mundo novo e fascinante nesta forma, mas que também tem uma ligação forte com o passado e carrega em cada célula muita experiência e conhecimento do fundo do mar. Por esse duplo valor, por sua beleza estética e riqueza de composição e significado, acredita-se que é uma pedra que ajuda no controle de emoções. Era uma pedra muito utilizada em magias e encantamentos, como um amuleto, com o poder de um talismã.

Ele é considerado também como um elemento de cura, purificado desde a sua formação com água salgada do mar e energizado e reforçado em suas potencialidades com a exposição à luz da lua. É um organismo que tem afinidade com todos os signos do Zodíaco, trazendo benefícios de proteção, cura e equilíbrio a todos que o utilizam.


AMULETO DA PROSPERIDADE:

As intrincadas linhas deste tradicional símbolo auspicioso representam longa vida e prosperidade.
Arya Japamalas oferecido por:
Arya Japamalas
--

Também gostou? Então compartilha!