Japamala Pulseira Bracelete Budista Kapala Howlita Caolim

  
R$ 120,00 R$ 105,00
  • 12% de desconto
Japamala Kapala Howlita Caolim 18 Contas

Japamala 18 contas confeccionado artesanalmente com pedras de HOWLITA CAOLIM BEGE de aproximadamente 10mm. Merú CAOLIM BEGE.

Modelo particularmente indicado para uso em pulsos de até 16,5cm.

Fácil manuseio das pedras para contagem.

Além de utilizada para a prática de orações, confere a seu portador o benéfico e energético poder das pedras.


Kapala ou Thod Pa (simbolismo)

Embora as kapalas modernas já sejam construídas com outros materiais, as mais antigas eram esculpidas a partir de crânios humanos. É este fato que impressiona quem não conhece as suas origens, significado e utilização, deixando-se iludir pelas aparências.
Muitos foram os usos e costumes integrados no Vajrayana (Budismo Tibetano) provenientes de crenças religiosas que precederam a chegada do Dharma ao Tibet. Vários objetos utilizados nas práticas desses cultos antigos passaram a ser parte integrante dos ritos tântricos.
Verificar que items cuja origem nos reporta para guerras sangrentas (como é o caso da “Adaga Curva”), ou para oferendas de sacrifícios humanos (como sucede com a Kapala), são utilizados e mesmo considerados sagrados no Budismo, (uma doutrina de paz, que defende a preservação de toda a vida), constitui um dos mais importantes ensinamentos:
Quem conhece a simbologia do Dorje ou Vajra sabe que o mesmo representa o Tridente (trisula), instrumento de guerra da feroz deidade Indra cujas pontas foram “dobradas por Buda“, de modo a convertê-lo num instrumento de paz.
De fato, a filosofia Budista ensina-nos algo muito mais importante do que simplesmente aceitar o que é “bom” e rejeitar o que é “mau”. O Budismo ensina-nos a não termos que fugir das circunstâncias, uma vez que nos fornece o conhecimento e os meios para, em vez disso, “transmutarmos” aquilo que é denso em algo sutíl… a guerra em paz… o sofrimento em felicidade.
A Kapala é utilizada em cerimónias importantes, como é o caso do Abhisheka (Empoderamento ou Iniciação), como recipiente de oferendas.
Após a explicação dos parágrafos anteriores, certamente já não nos chocaremos tanto com o fato de sabermos que o seu conteúdo consiste em vinho (que representa o sangue) e bolos com a forma de olhos e linguas humanas (representando partes do corpo sacrificado). Lembra o “corpo e sangue” do Cristianismo… contudo, neste caso o sacrifício é exclusivamente nosso.
A Kapala recorda-nos então que o sofrimento existe e não podemos simplesmente ignorá-lo. Mas também nos reporta à capacidade que nos é inerente pela natureza Búdica que existe em todos nós, de aprender com essa dor (a nossa e a dos outros) e transformá-la em felicidade.


A HOWLITA

A Howlita é a pedra da harmonia. O índios acreditavam que a Howlita possuía a força da vida e que ela não permitia que as pessoas esquecessem que os seres humanos, a natureza e os animais se pertencem, em uma harmonia recíproca.
Sua ação ultrapassa o individual atuando nas agregações familiares, tornando as pessoas mais conscientes das relações e das experiências que a alma escolheu vivenciar- diluindo conflitos e mal estar entre irmãos, parentes e amigos íntimos, agindo na aceitação e no respeito às diferenças do outro, abrindo caminhos ao que o outro tem a ensinar. A Howlita nos mostra em sua branca luz um estado de paz interior para que se entenda e extraia um significado do porque de determinada situação. É também possível, com a Howlita, enviar vibração de paz ao coletivo, à humanidade, harmonizando e irradiando energia apaziguadora para lugares onde haja conflitos visando o bem do todo.
De cor branca e cinza claro, a Howlita possibilita encontro interior em todos os aspectos da vida, acalma nossa mente de forma a podermos visualizar as situações de todos os ângulos e encontrarmos as saídas. Aplicada a pessoas com doenças imaginárias, a Howlita faz com que percebam e fortaleçam sua força de vontade e, assim, conseguem obter uma maior segurança em si mesmas.
Esta pedra, proveniente da África do Sul, México e China, ainda tem o poder de acalmar os ânimos das pessoas com tendências à ira e irritabilidade. Acalma e previne explosões de sentimentos, além de neutralizar as energias negativas.
A Howlita , ainda, regula o metabolismo, tem efeito diurético. Por ter em sua composição o cálcio, a Howlita auxilia nas doenças dos ossos e das juntas. Quando colocada sob o travesseiro, proporciona uma boa noite de sono. A Howlita é eficaz, também, nos problemas de azia.
Por fim, a Howlita equilibra as emoções, reduz frustrações, dá coragem e força, além de propiciar a harmonia para quem a usa.
Arya Japamalas oferecido por:
Arya Japamalas
--

Também gostou? Então compartilha!